Portal para a Cooperação na Área Económica,Comercial e de Recursos Humanos entre a China e os Países de Língua Portuguesa

sdsInscreva-se gratuitamente

  Está aqui:Início > Informação Económica e Comercial > > Moçambique
Empresários da África do Sul e dos EUA investem em Moçambique
Data de publicação: 2017-09-14 00:00:00 [Grande  Pequeno]

【 Moçambique 】

A Nuanetsi Lda, uma empresa de capitais da África do Sul e dos Estados Unidos da América, recebeu autorização para instalar num terreno com 17 900 hectares uma “fazenda de bravio”, de acordo com uma decisão do governo de Moçambique, terça-feira reunido em Conselho de Ministros.

Uma “fazenda de bravio” é, de acordo com a legislação moçambicana, “uma área delimitada, com ou sem vedação, mas devidamente sinalizada, em que o direito de caçar é limitado aos respectivos titulares do direito de uso e aproveitamento da terra ou àqueles que deles houverem autorização, sendo que uns e outros carecem da respectiva licença emitida pela autoridade competente.”

A porta-voz da reunião, Ana Comoana, que é igualmente vice-ministra da Cultura e Turismo, disse que, com a atribuição do título de Direito de Uso e Aproveitamento de Terra (DUAT), a Nuanetsi tem agora “luz verde” para avançar com a instalação do empreendimento turístico.

O empreendimento fica localizado no posto administrativo de Mapulanguene, província de Maputo, pretendendo os investidores sul-africanos e norte-americanos aí aplicar 25 milhões de dólares na construção de dez alojamentos para turistas e infra-estruturas sociais, como vias de acesso e escolas.

Ana Comoana disse que este investimento vai criar 110 postos de trabalho e acrescentou que a população circundante poderá obter ganhos indirectos através do fornecimento de produtos e de serviços àquela “fazenda de bravio.” (Macauhub)


Comentários
Conteúdo do comentário:
Código de verificação:
O comentário é exclusivamente pessoal não representa a opinião deste portal.

Conteúdo da mensagem